Crédito

Fampe já garantiu mais de R$ 1 bilhão em empréstimos para os pequenos negócios

Em menos de dois meses, o fundo de aval do Sebrae viabilizou a realização de mais de 12, 6 mil contratos com a CAIXA

Em 41 dias de parceria entre Sebrae e Caixa Econômica Federal para melhoria do acesso dos pequenos negócios a crédito, as operações contratadas pelo Fundo de Aval às Micro e Pequenas Empresas (Fampe), chegaram a mais de R$ 1 bilhão. O Fampe é um fundo garantidor gerido pelo Sebrae, que assegura os empréstimos concedidos a pequenos negócios por meio de instituições financeiras credenciadas. Nesse período, foram mais de 12,6 mil contratos firmados, apenas com a CAIXA.
Os dados confirmam que no atual momento de crise causada pelo novo coronavírus, o Fampe tem sido um dos principais mecanismos utilizados pelos pequenos negócios para ter acesso a crédito mais fácil. Além de viabilizar a garantia necessária às micro e pequenas empresas que sofrem para ter acesso a um financiamento bancário, o Sebrae também oferece orientação e acompanhamento ao tomador do crédito, desde o deferimento à liquidação da operação, o que funciona como uma ação mitigadora do risco.
Desde a assinatura do convênio de parceria entre Sebrae e CAIXA, os contratos assinados já contemplaram mais de 85 mil clientes. A expectativa do Sebrae é que esta operação de socorro aos pequenos negócios na crise do coronavírus permitirá a concessão de aproximadamente R$ 7,5 bilhões em crédito. Até fevereiro deste ano, o Fundo já havia avalizado mais de 342 mil operações, viabilizando R$ 16,8 bilhões em crédito bancário.
"Sem o crédito, atravessar uma crise como esta pode ser uma sentença de morte para milhares de pequenos negócios. Por isso, a garantia do Fampe e as mais de 150 linhas de crédito mapeadas pelo Sebrae, que são destinadas às micro e pequenas empresas, são tão fundamentais neste momento", ressalta o presidente do Sebrae, Carlos Melles.
Desde sua criação em 1995, o Fampe já garantiu aval no valor de R$ 11,8 bilhões, com 344 mil operações realizadas por meio de instituições financeiras conveniadas, com total de R$ 16,9 bilhões em crédito concedido. Para orientar os donos de pequenos negócios sobre como operar com o Fundo, o Sebrae criou um tutorial, que está disponível em seu portal.