Startups

Sebrae debate estímulo à inovação no segmento de bebidas

Startups direcionadas para a sustentabilidade são foco de cervejaria brasileira que investe em transformação digital

 
A Cervejaria Ambev sempre buscou estar na vanguarda da tecnologia, por isso, a inovação faz parte a cultura da companhia. A empresa acredita que transformação digital possibilita a criação de experiências e a produção das melhores bebidas para os consumidores e isso reflete em programas, projetos e parcerias que desenvolvem inovações tecnológicas em várias frentes. “Nosso negócio é offline, mas a tecnologia permeia tudo isso. A transformação digital nos ajuda no desenvolvimento de novos dados para que a experiencia do consumidor final seja completa”, disse Stefani.
 
Para o desenvolvimento de novas ideias, a companhia anunciou, em 2018, a Aceleradora 100+, programa que seleciona startups com soluções para os principais problemas ambientais da atualidade, e escolheu 21 para a aceleração entre mais de 400 inscritas. A 2ª edição do programa está com inscrições abertas até o dia 31 de outubro pelo site https://aceleradora.ambev.com.br/. “O que mais levamos em consideração foram projetos que diziam respeito a soluções sustentáveis para a Ambev no âmbito social, econômico e ambiental. Onde tem Brasil tem que ter Ambev, por isso precisamos transformar o país em um lugar melhor”, comenta o executivo, lembrando que o negócio da empresa é servir gente, não apenas cerveja.
 
“Eu não contrato startups com ideias brilhantes, eu contrato pessoas que tem sinergia com o nosso modo de pensar e agir. De que me adianta a reinvenção da roda se quem pensou nela não compactua com nossos objetivos. Gosto muito de promover hackathons, pois tenho até 72 horas para observar os participantes e perceber quais ali possuem a mesma cultura da empresa e pertencem ao nosso ecossistema”, finaliza Bruno Stefani.
 
Confira o bate-papo com a Agência Sebrae de Notícias (ASN):
 
- Quando a transformação digital começou a ser uma realidade na Ambev?
Inovação sempre fez parte do nosso negócio, desde a criação, e a transformação digital que estamos realizando vem desse espírito de sempre inovar. Nos últimos cinco anos aumentamos o investimento em tecnologia e abrirmos a companhia para esse ecossistema. Somos uma plataforma de crescimento de todo tipo de negócio: vamos desde a agricultura até a inteligência artificial, passando pelo marketing, logística e vendas. A Ambev é das maiores empresas do país, por isso conseguimos testar dentro de casa uma série de inovações. Hoje somos a empresa que mais faz negócio com startups.
 
- Como foi o processo de abertura da empresa para as startups?
A transformação digital foi a grande balizadora para que a Ambev se abrisse para a expertise das startups. Quando de fato observamos negócios serem criados a partir de pequenos aportes oferecidos pela companhia à essas startups, nossos olhos começaram a enxergar que elas, enquanto parcerias, poderiam nos ajudar no desenvolvimento de soluções reais aos consumidores. Estamos na vanguarda, pois nem todas as empresas investem nelas.
 
- Quais são as áreas de atuação das startups incubadas dentro da Ambev? E pensando nas frentes selecionadas, como o trabalho desenvolvido por elas é percebido pelo consumidor final?
Nosso grande foco com a aceleração das startups é a sustentabilidade. Temos muitas metas em frentes como energia, recursos hídricos, embalagens, agricultura inteligente, e essas empresas nos ajudam a conquistá-las. Cada garrafa de bebida aberta leva um pouco de todas as nossas soluções para um mundo mais sustentável.
 
- Que tipo de aporte a Ambev fornece para essas startups?
Como elas estão entre os nossos novos parceiros, oferecemos mentoria para seus executivos, auxílio nos contratos financeiros, cursos de capacitação, aporte financeiro e até mesmo venture capital (atividade na qual investidores, atuando através de fundos ou veículos próprios de investimento, injetam capital em empresas em troca de uma participação societária). Cobrimos todo os ciclos das startups, desde a fase do ppt até sua maturidade, pois somos uma empresa grande e atuamos em quase todos os setores da economia. Investir em ciência, tecnologia e inovação é vital para a Ambev.
 
- Como o gerenciamento dessas startups se dá dentro da Ambev?
No momento que a startup chega na companhia e começa a produzir, gosto de saber todos os passos que ela dá para que o gerenciamento seja personalizado e assertivo.