Litoral do PR

Com apoio do Sebrae/PR, capacitação visa fortalecer o turismo náutico

Capacitação gratuita tem módulos sobre atendimento ao cliente, divulgação dos destinos, além de legislação e meio ambiente

Um curso promovido pelo Terminal de Contêineres de Paranaguá (TCP), com apoio do Sebrae/PR, está capacitando 34 barqueiros e empresários do segmento náutico do litoral paranaense em temáticas ligadas à segurança e qualidade do atendimento ao cliente na região. Dividida em oito módulos, a capacitação tem por objetivo fortalecer o turismo náutico local, além de sensibilizar para a questão da conservação do meio ambiente. O curso é uma ação do programa de educação ambiental do TCP, em atendimento a uma condicionante do Ibama, como contrapartida pelo passivo ambiental gerado pelas obras de ampliação no terminal.

No total, são 24 horas de aulas gratuitas, durante oito terças-feiras (25/09 a 13/11). O Sebrae/PR é o responsável por três dos oito módulos: Introdução ao turismo, atendimento ao turista e marketing e atratividade para o turismo náutico. A grade inclui, ainda, os temas: modalidades de pesca; biodiversidade da Baía de Paranaguá; segurança na navegação, regras e normas do turismo de pesca e náutico no Brasil e em Paranaguá; primeiros socorros; além de vivência prática e avaliação.

A consultora do Sebrae/PR no Litoral Caren Santos explica que a intenção é capacitar os prestadores de serviço que atuam nos sete municípios litorâneos do Estado, de modo a organizar o segmento. “Nossa participação pretende levá-los a olhar do ponto de vista do negócio: Onde eu me encaixo na economia do litoral? Como melhorar a qualidade dos serviços nas embarcações? Como atender melhor o cliente? Onde posso divulgar meus passeios?”, pontua.

Um dos módulos, explica Caren, trata das estratégias de marketing mais usadas pelos destinos turísticos inteligentes, para se posicionarem em um mercado cada vez mais digital. “Daremos dicas de marketing de destinos e serviços do segmento náutico, para que os participantes possam melhorar a promoção dos serviços náuticos nas mídias sociais. Além disso, faremos um módulo especifico para orientar os prestadores de serviço sobre a importância do atendimento ao cliente ‘turista’ com qualidade e excelência, abordando aspectos como postura, asseio, pontualidade e solução de reclamações ou tratamento com clientes difíceis”, antecipa a consultora do Sebrae.

A bióloga Maristela de Lima Bueno, da Empresa Acquaplan Tecnologia e Consultoria Ambiental, que trabalha na organização do curso pelo TCP, explica que a temática foi uma requisição dos barqueiros, durante o diagnóstico socioambiental participativo, realizado em 2016, antes do início das obras no terminal em Paranaguá. “Queremos capacitá-los, além de sensibilizar para a questão da conservação do meio ambiente e reforçar a parte de segurança de navegação e primeiros socorros, aspectos que eles veem pontualmente na habilitação náutica, mas que depois não existe uma reciclagem”, diz.  

O curso aborda tópicos como um melhor atendimento ao turista, marketing e publicidade, além de informações socioambientais, que podem ser replicadas pelos barqueiros aos turistas. “Até o final do curso, pretendemos avaliar o panorama do turismo náutico no litoral e, a partir disso, propor novos roteiros e novas práticas de atendimento para melhorar o segmento, além de auxiliá-los a dar maior publicidade às atividades”, acrescenta Maristela. 

Uma das participantes é Allana Araujo, de Antonina, que estuda no curso técnico em Guia de Turismo do Senac, para atuar com guiamento no litoral paranaense. “Para mim, o curso Turismo Náutico tem sido sensacional. Tenho planos para elaborar roteiros náuticos na região, e o conhecimento é sempre muito válido. Os conteúdos apresentados vão bem ao encontro dessa nossa necessidade de capacitação para um bom entendimento, que leve ao aprimoramento do atendimento, para que o cliente retorne sempre e indique para muitos outros”, opina. 

O setor

Um estudo realizado pelo Sebrae, em 2017, sobre a Economia Náutica do Litoral, aponta que o Paraná conta com a 5ª maior frota de embarcações do País. São 52 marinas, iates clubes e garagens náuticas instaladas. “Embora sejam números expressivos, ainda há oportunidades para ampliar a oferta de passeios náuticos e de atividades relacionadas aos esportes aquáticos, de prestadores de serviço especializados e de comércio de produtos e acessórios relacionados ao segmento náutico e de pesca, bem como a realização de eventos no litoral. Além disso, o desenvolvimento da economia náutica tem potencialidade de impactar diretamente outros segmentos característicos do turismo, como a hotelaria e a gastronomia”, avalia Caren.

 

Vem crescer com o Sebrae

O Sebrae/PR é o parceiro certo para micro e pequenas que desejam crescer e estar sempre um passo à frente. Com mais de 45 anos de atuação, a entidade trabalha para fomentar o empreendedorismo, promover a competitividade, a inovação e disseminar conhecimento sobre gestão. Com o Sebrae/PR, as MPEs podem se diferenciar no mercado. Deseja ampliar os negócios ou pretende iniciar um, comece em www.sebraepr.com.br/umpassoafrente

 

 
Informações para a imprensa:
Savannah Comunicação Corporativa- empresa licitada do Sebrae/PR
Assessoria de Imprensa Paraná: Bruna Komarchesqui - (41) 98874-4907
Adriano Oltramari – Jornalista do Sebrae/PR - (41) 3330-5895 - www.pr.agenciasebrae.com.br

 

 

 

 

 

 

Tags: Sebrae/PR