Feira do Empreendedor

Mato Grosso organiza jornada ‘Como cuidar do seu dinheiro’

Evento ocorre dentro da Feira do Empreendedor, que começa 23 de outubro, de forma totalmente on-line e gratuita

Em Mato Grosso, o indígena Pablo Kamaiurá gerencia com sua família a Pousada Morená, instalada na aldeia indígena de seu povo, nas proximidades da Lagoa Ipavu, a seis quilômetros do rio Kuluene, na região do Alto Xingu, no município de Canarana (604 km a leste de Cuiabá). Ele já fez Empretec e utiliza no empreendimento muito dos conhecimentos e comportamentos despertados no treinamento, incluindo a gestão financeira.

Ele vai contar um pouco da história do empreendimento na jornada “Como cuidar do seu dinheiro”, no dia 26 de outubro, de 10h às 20h (horário de Brasília), durante a Feira do Empreendedor Digital 2021, que acontece entre os dias 23 e 27 de outubro. A programação é totalmente gratuita e disponível no Sebrae Experience, uma plataforma exclusiva de navegação fácil e intuitiva.

Organizada pelo Sebrae/MT, a jornada “Como cuidar o seu dinheiro” é voltada a empreendedores interessados em começar um negócio com poucos recursos financeiros e para os que já têm sua empresa e precisam estar atentos às finanças para continuar crescendo e se consolidar no mercado.

A diretora técnica do Sebrae MT, Eliane Chaves, destaca a participação de Mato Grosso na Feira do Empreendedor, que na atual edição reúne vários estados. “Vamos apresentar vários casos de pequenos negócios locais cujos empresários vão mostrar os resultados alcançados, a partir da incorporação de novas tecnologias na gestão financeira e do uso dos conhecimentos adquiridos através de nossas consultorias, que os ajudaram a obter um desempenho positivo em seus empreendimentos”.

Além de Paulo Kamaiurá, a jornada terá outros nove empresários dos mais diferentes segmentos. A empreendedora Ivonete Guarino esteve na última edição da Feira do Empreendedor de MT em busca de inspiração e acabou criando a startup Vô Contigo, uma plataforma na Internet para atender idosos com serviços de transporte e concierge, cujo diferencial é o fato do profissional não só transportar o idoso como acompanhá-lo em suas atividades diárias, como consultas médicas e compras, entre outras. A ideia nasceu da necessidade de seus pais, avós e sogra e ela vai revelar como começar uma startup com pouco dinheiro.

Já a empresa de Felipe Campos nasceu como um hobby de amigos e começou ganhar forma de negócio em 2018. A Aventura MT foi formalizada em 2020 e já é considerada referência em turismo receptivo de Mato Grosso. No evento, ele revela como os meios de pagamento ajudaram sua empresa a crescer.

Muitos dos empresários convidados a participar da jornada são do segmento de alimentação. Caso de Silvia Biasoli, da La Matriciana Massas de Autoria, que investiu em novas tecnologias para reduzir custos, como a instalação de energia solar e vendas pela internet, desde o início da pandemia.

Lorenna Bezerra, proprietária do restaurante Galeto Cuiabano, também conta um pouco da sua experiência à frente do empreendimento aberto em agosto de 2014. Numa curva ascendente, em maio de 2019, o restaurante foi transferindo para um espaço maior e a empresária está sempre inovando para continuar expandindo o negócio. “O Sebrae está comigo o tempo todo. Desde o começo, todos os anos, fazemos o planejamento estratégico com acompanhamento, além de consultoria de expansão, financeira e comercial, SebraeTec e ALI, entre outros”, resume.

A paraibana Jaqueline Aragão buscou em suas raízes a inspiração para abrir a Doce Nordeste. Depois de se mudar para Cuiabá, ela e o marido pernambucano Tiago morriam de saudades do bolo de rolo e, na ausência de alguém que preparasse a delícia na capital mato-grossense, resolveram, durante a pandemia, começar a executar a receita, um dos símbolos gastronômicos de Pernambuco. Mediante o sucesso no trabalho, resolveu abrir um negócio e hoje, com a ajuda do marido, faz o bolo em dois tamanhos (um quilo e 500 g) de cinco sabores: goiabada, doce de leite, chocolate, ameixa e churros.

Pamella Isla, da Açaí Maravilha, conta sua jornada e sobre como lidou com os desafios de gestão do dia a dia, com o medo de tomar decisões erradas e como isso a ajudou a crescer e ganhar mais dinheiro para realizar seus sonhos. Participam ainda Sandra Regina, da MS Company, e Hevelin Pimenta, da IGM Mídia Visual. “Tudo foi pensado para orientar, inspirar e provocar insights nos empreendedores participantes”, comenta Alberto Santana, analista do Sebrae MT, um dos responsáveis pelo evento.

A jornada será aberta com a masterclass “Inteligência financeira nos negócios”, com Gustavo Cerbasi, maior referência em educação financeira do Brasil. Ele dará dicas, mostrará técnicas e práticas para auxiliar o empreendedor no dia a dia da gestão da sua empresa.

Um time de colaboradores do Sebrae, especialistas em pequenos negócios, vai levar muito conhecimento através de painel e oficina no formato aula live. Vídeos com pílulas de conhecimento sobre gestão nas áreas de planejamento e financeira, transformação digital e educação financeira, conduzidos por técnicos e especialistas do Sebrae.

Ricardo Almeida, de Alagoas, mostra “5 passos para organizar suas finanças”; e de Mato Grosso, Mileno Alencar fala sobre reserva de emergência; Camila Costa trata de “Meios de pagamento: muito além das maquininhas”. Débora Leite será moderadora do painel “Como cuidar do seu dinheiro”, com os consultores Fábio Apolinário e Roberto Dahmer; enquanto Allan Finger apresenta o “ABC das Finanças”; e Denise Pimpim discorre sobre “Gestão de riscos, oportunidades e planejamento de longo prazo”.

A programação conta ainda com duas oficinas em formato de aula live; “Controle o seu dinheiro”, com Caio Monteiro, do Sebrae SP; e “Quanto cobrar pelo seu produto ou serviço”, um dilema que perturba muitos empreendedores.

Encerrando a programação da jornada, o painel “O que é Open Banking e como ele vai impactar os negócios”, tendo como moderador Rogerio Melfi, coordenador do grupo de trabalho de Open Banking na ABFintechs; a painelista Ingrid Barth, da Founder and COO – Linker; Eduardo Neubern, da Fintech General Manager - TOTVS TechFin; e Charles Schweitzer, head de inovação do Banco Carrefour.

Durante os cinco dias da Feira do Empreendedor Digital 2021, os participantes terão acesso a uma programação ampla e diversificada, com muita informação e oportunidades de negócios, além de poder fazer contato com atendentes remotos e conversar com consultores do Sebrae, que estarão disponíveis para tirar dúvidas e repassar orientações.

A Feira do Empreendedor é gratuita e será feita em uma plataforma exclusiva: o Sebrae Experience, de navegação fácil e intuitiva, com hotsite compatível com os navegadores Chrome, Firefox, Edge, Safari e IE. A plataforma pode ser acessada por meio de celular, tablet e desktop. As palestras terão intérpretes de Libras para ampliar a acessibilidade. As inscrições estão abertas: www.feiradoempreendedor21.com.br